Like a boss

janeiro 12, 2013
Hired for the very first time.

Hired for the very first time.

Pior do que a morte

janeiro 6, 2013

juros

AHRRRRRRRR! AINDA NÃO MORRI, SEUS FILHOS DE DOIS CÃES APARENTADOS!

Brindes, bônus, essas coisa caótica

setembro 22, 2010

AHRRRR! Vejam bem, seus ratos de água doce! Como eu sou um capitão generoso, resolvi lhes entregar alguns brindes, hoje. Considerem isso a sua parte do butim e não me perturbem mais, aye?

Bom, aí estão pra vocês alguns dos desenhos antes de serem diminuídos e enfiados nas tiras. Sintam-se à vontade pra usar onde quiserem, como no msn, orkut, twitter, no papel higiênico… vocês é que sabem.

Stevens e seu barril de bile de morcega:

O “intrépido herói”:

Piratão, face:

Piratão:

Morte:

O “intrépido herói”, convertido:

Uma senhorita:

Outra vagaranha:

Mais uma piranha barata:

Um canibal caçador de cabeça:

O marujo Simon:

Stevens:

Figurantes

setembro 22, 2010

Nem só dos personagens principais é feita uma tira, um filme ou o diabo que for. Nada seria completo se apenas esses existissem. O mundo também é povoado por aquelas pessoas que se contentam em se sentar em mesas no fundo da tela e tomar chopes de graça, pagos pela produção em nome da continuidade. Às vezes, também, alguma coisa precisa ser dita ou feita por alguém extremamente diferente dos personagens principais, e ninguém mais qualificado pra isso do que um idiota qualquer sem nome.

No caso de nossas horríveis tiras, não é diferente. Nós jogamos fora seu tempo não só com os piratas que você já conhece – porque é vagabundo e fica lendo porcaria de baixa qualidade na internet -, mas também com chineses estranhos, motoqueiros, terroristas árabes ou até outros piratas.

Eis aqui, portanto, uma seleção de tiras onde nosso pirata cretino de webcomics classe B favorito nem sequer aparece. A próxima, aliás, tinha mais graça quando foi lançada no Ato ou Efeito, um dia depois do acidente da Air France:

A parte triste é que figurantes demais me impossibilitam de continuar reaproveitando as mesmas imagens dos personagens do jeito picareta que eu sempre fiz. Mas isso é detalhe e vocês não precisam saber.

Heroísmo

setembro 15, 2010

É chegada a hora de atirar algumas tiras novas a vocês, bando de tubarões estúpidos, abutres do mar.

Desde pequeno, você ouve histórias sobre heróis que passam por desafios épicos para salvar alguma vagabunda que provavelmente está participando de sessões de sexo sadomasoquista com o pedófilo assassino estuprador que a prendeu há anos. O herói quase é assassinado por demônios comedores de gente, atravessa vulcões ativos, Desfiladeiros do Terror Eterno e florestas negras com os Arbustos Espinhosos da Agonia Excruciante, e, no fim dessa jornada, que destrói toda a sua dignidade e vontade de viver, ele assassina impunemente o malfeitor e se casa com a bela jovem “por amor”, e não porque casar com a filha do rei garantirá que ele nunca mais precise trabalhar pelo resto da vida. E é aí que eu pergunto: Não vale muito mais à pena trabalhar do lado dos malfeitores e aproveitar a riqueza, poder e vagabundas por longos e terríveis anos ao invés de se foder a vida toda por um único rabo virgem? Ahrrrrr!!

Vocês que se virem com o heroísmo, aye? Boa vida pra mim é a vadiagem.

O Valor da Amizade

agosto 4, 2010

E, finalmente, uma tira realmente nova.

Se existe algo importante pelos mares sem lei, esse algo é descobrir o verdadeiro valor da amizade. Qualquer um que não o conheça está fadado a cair vítima dos mares inclementes, dos canhões inimigos ou de uma faca suja no meio das costas.

Clicar na tira aí em cima (ou em qualquer uma das outras) a abre no tamanho original, caso vocês ratos sem mãe ainda não saibam.

Caso algum de vocês condenados tenha o podre intuito de entrar em contato com o maltratado desenhista dessas tiras, por qualquer que seja o seu motivo depravado, eis alguns meios:

Twitter

Comunidade no Orkut

Aquele bagulho sem sentido de fazer perguntas

Fora isso, perguntas, insultos, ameaças de morte e cartas-bomba podem ser enviados a capitaopiratao@hotmail.com. Elogios não serão bem-vindos e serão retribuídos com a morte prematura de seus familiares e animais de estimação.

Jesus Cristo

julho 10, 2010

A morte é uma constante num navio pirata. Disso todos sabem.

Não quando o filho do Senhor resolve se tornar parte da tripulação. Eis aí um par de tiras de algum tempo atrás, quando tal fato ocorreu.

Moral

julho 10, 2010

Por incrível que pareça, ainda existem por aí alguns ratos desmamados que acreditam que em toda aventura há um herói, e que todo herói tem algum tipo de código de conduta, mesmo que ele seja caótico ou pessoal. Vejam bem, crianças, o mundo não funciona assim.

Nosso protagonista e capitão nunca prometeu sequer uma gota de bondade, responsabilidade, ensinamento ou sabedoria a nenhum de vocês porcos, percebem? E se existe alguma lição a ser tirada de tal criatura deplorável, é que não existe essa história de bondade intrínseca a todo ser humano.

Como todos deveriam saber, não existe nenhum resquício de amizade ou sequer camaradagem em um navio pirata. E o mundo lá fora não é tão diferente assim.

Do mesmo modo, não há mensagem de esperança a ser dita. Não há politicamente correto, não há linguagem inclusive, não há a menor tentativa de conciliar as pessoas. A vida entre os selvagens de um navio pirata é dura, e ninguém vai tornar as coisas mais fáceis pra nenhum de vocês. Isso porque o mundo – todo o movimento e vivacidade que presenciamos – é feito de conflitos. E a alternativa, todos nós fingimos negar, mas conhecemos bem:

Morte

junho 7, 2010

A visão de um espectro sem carne alguma, envolto por um manto de sombras, apontando a foice que vai ceifar a sua alma numa noite enevoada do convés imundo é certamente espantosa, aye?

Bah, frangos! Um pirata de verdade é o principal companheiro da morte! Os dois andam juntos, e não se pode falar de um sem lembrar do outro, aye? Foi assim com Ed Teach e Anne Bonny, até que, quando viu que eles não aguentavam mais o tranco, a velha morte carregou todos eles pro fundo do mar! Ar-har-har!

Dia dos Namorados

junho 7, 2010

Ahrrrr! Sem falação do desenhista imundo dessa vez, aye? MEU CANHÃO SUJO pro dia dos namorados, aye?!


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.